sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Preparar-se para o Reino


JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

"Não sabeis qual será o dia, nem a hora".

Com estas palavras Jesus nos alerta a estarmos sempre preparados para viver o Reino de Deus. Não somente “no dia” em que o Reino será revelado plenamente para cada um de nós, mas também na vivência deste já neste dia, nesta hora e neste momento.

Uma das maneiras que temos para nos preparar, para estar sempre prontos para o dia e a hora, é estarmos em sintonia com Deus. A oração nos coloca em constante comunicação, em constante sintonia com Ele.

Mesmo assim não saberemos o dia nem a hora. Porém, o dia e a hora jamais nos pegarão de surpresa pois já estaremos vivendo o Reino que se manifestará plenamente.

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Preparar-se para viver desde já o que acontecerá

JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

"Ficai preparados!".

Preparar-se para um acontecimento, para uma realidade, para um evento, é já começar a viver o que se manifestará plenamente adiante.

Quando convidamos alguém para um almoço ou damos uma festa, não deixamos tudo para a última hora. Dias (ou semanas) antes iniciamos os preparativos para que tudo corra bem quando chegar o dia. Se ficarmos de braços cruzados até a hora do almoço ou da festa, o evento com certeza não acontecerá da melhor maneira possível.

Assim é com o Reino de Deus. Quanto mais nos preparamos para tratar com justiça e misericórdia as pessoas, quanto mais nos preparamos na convivência diária com Deus, quanto mais nos preparamos para viver melhor a nossa fé, mais vivemos desde já o que será realizado de maneira completa no futuro. 

Preparado/a?

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Viver as Verdades do Reino

JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

"Quem crê possui a vida eterna".

Acreditar é mais que “saber que existe” ou mesmo ”estar de acordo com”.

O demônio sabe que Deus existe mas não está de acordo com Ele.

Tem cristão que concorda com Deus (não tem nada contra o que Deus ensina “para os outros”) mas não quer se envolver nos assuntos de Deus para o ser humano. Entre estas pessoas estão os católicos “não praticantes”.

Crer é acreditar e viver o que se acredita. Isto é, saber que é, que existe, estar de acordo com e viver o que se acredita e o que se está de acordo com. 

Quem assim crê possui a vida eterna pois já está vivendo dimensões que são próprias da vida eterna: as Verdades do Reino de Deus.

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Interior limpo...

JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

"Limpa primeiro o corpo por dentro, para que também por fora fique limpo".

Em nossa vida temos motivações e estímulos. Motivações e estímulos nos movem. A diferença está em que as motivações são internas e os estímulos externos.

A motivação mexe com a gente e é uma influência que brota de dentro  da gente mesmo. O estímulo mexe com a gente mas é uma influência que vem de fora da gente.

Quando temos motivações honestas temos um interior limpo, que nos impele a fazer coisas boas, válidas, positivas, que vem de Deus. Quando encontramos com estímulos limpos, nos deixamos influenciar por coisas boas que vem de fora.

Jesus hoje nos pede para que tenhamos motivações que ajudem a construir um mundo melhor. Jesus hoje quer nos dizer que quando damos mais atenção às motivações boas, faremos coisas boas. E as coisas “fora” de nós sofrerão as influência e consequências de nossas motivações positivas.

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

De olhos bem abertos


JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!
"Ai de vós, guias cegos!"
Primeiro é preciso que enxerguemos para poder ser guias para os demais.
Enxergamos cada vez melhor o caminho quanto mais fazemos o caminho nós mesmos.
O caminho é o Caminho. Caminho, Verdade e Vida = Jesus.
Jesus abre nossos olhos se assim o permitirmos. Se mantivermos os olhos fechados, cairemos, com certeza.

Se na cegueira levamos outros a nos seguir, teremos responsabilidade na queda de quem nos segue.

domingo, 26 de agosto de 2012

Ouvir e viver

JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

"Esta palavra é dura. Quem consegue escutá-la?"

A Palavra da Salvação mexe com a gente de uma maneira muito poderosa. Mexe e modifica. 

Tem vez que modifica muita coisa em um momento curto. Porém, na maioria das vezes a Palavra nos modifica pouco a pouco, moldando-nos parte por parte, como um oleiro molda e trabalha a argila.

A Palavra é dura pois nos desestabiliza do comodismo do EU para o Reino de Deus, que é comunitário e é NOSSO. 

Só consegue escutá-la (= ouvir, viver e fazer frutificar) quem não tem medo de crescer. E crescer requer poda, disciplina, partilha, arrependimento e encontro com o irmão/ã.

Vamos abrir mais ainda o ouvido e o coração?

sábado, 25 de agosto de 2012

Servem os que são maiores

JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

"O maior dentre vós deve ser aquele que vos serve"

Jesus é o maior de todos e foi o que mais serviu. Serviu até derramar seu sangue por nós, pecadores e neces
sitados do perdão.

Como é difícil, meu Deus, servir... e como é fácil se sentir maior.

O problema não está em ser maior, e sim e se sentir maior É aí que está o erro: “sentir-se” maior. Ser maior não é questão de sentimento, mas é questão de ser um fato. Quem é, é. Jesus era (é) maior e nunca negou isto.

Igualmente, Jesus nunca se negou a servir. Ele nunca se “sentiu” maior apesar de ser maior do que todos.

Quanto maior se é, mais responsabilidade se tem. E mais se deve servir.

Pode parecer uma contradição, mas quanto maior se é, mais se serve. Quanto maior se sente... menos se serve.


sexta-feira, 24 de agosto de 2012

De olhos bem abertos


JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!
"Coisas maiores que esta verás!"

O coração é uma das extensões dos olhos. Quem vê também com o coração consegue enxergar mais e por isso vê coisas maiores que as que os olhos do rosto conseguem enxergar.

O irmão/ã também é uma outra extensão da vista. Ver o mundo, as situações, os outros, com os olhos do próximo, consegue enxergar melhor.

E quem enxerga, principalmente através dos olhos dos mais pequenos, vê com mais clareza pois enxerga de uma maneira mais compreensiva com os olhos do próprio Jesus.

Abra o olho!


quinta-feira, 23 de agosto de 2012

A Pérola Mais Preciosa

JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

"O Reino dos Céus é como um comprador de pérolas [que] vende todos os seus bens e compra aquela pérola."

Quando queremos algo de verdade, fazemos “o possível e o impossível” para conseguir, conquistar, tomar posse. Infelizmente, muitas vezes o ser humano usa modos escusos para conseguir o que quer.

Com a conquista do Reino dos Céus é diferente: não se pode usar modo escuso para a conquista. O Caminho, a Verdade e a Vida é o modo de se conseguir o Reino dos Céus já entre nós.

Se quisermos o Reino dos Céus de verdade, com toda a nossa alma e todo o nosso coração, fazemos de tudo (o possível e o impossível) para vivê-lo. É assim que se “compra” a pérola do Reino.

Para isso, é preciso “vender tudo” (livrar-se de tudo aquilo) que não está de acordo como os ensinamentos de Jesus para podermos descobrir e/ou aprofundar a riqueza que está dentro de nós: o próprio Deus.

Deixe de praticar palavras e atos negativos, sejam eles quais forem. Assim, maior será o Reino dos Céus na vida cotidiana. O que está no coração sobe para o cérebro e vaza pela boca e pelas mãos.

A Pérola Mais Preciosa é a vida eterna que podemos ter enquanto estamos vivos. Vai querer?



quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Dar a outra face


JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

"Bendizei os que vos amaldiçoam, orai por aqueles que vos difamam."

Fazer bem aos que nos prejudicam é uma maneira concreta de “oferecer a outra face”.

Quando nos mostratem a face da violência, mostremos a face da paz.
Quando difamarem nossa pessoa, mostrando a face da “fofoca”, vivamos a face do perdão e da oração para com eles.

Queremos um mundo melhor, claro. A melhor maneira de viver esse mundo melhor é deixar de lado o orgulho e os ensinamentos deste mundo para viver as maravilhas do Reino de Deus.

Quem sabe e tem fé faz acontecer.


terça-feira, 21 de agosto de 2012

Permitir-se crescer na Aliança

JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

“Para os homens isso é impossível, mas para Deus tudo é possível”.

Somos criados à imagem e semelhança de Deus, mas não somos Deus. Por isso que “para os homens isso é impossível” já que não temos o poder que Deus tem.

Deus nos Ama de maneira tão poderosa que transforma a nossa vida. Por isso é que “para Deus tudo é possível”.

Deus nos Ama na liberdade com a qual (liberdade) e para o qual (Amor) respondemos.  Nossa vida pode ser transformada pelo Amor de Deus se nós consentirmos (acolhermos e vivermos) esse Amor. O Amor de Deus é um amor que nos faz crescer.  

Muitas circunstâncias da vida (nossa história) podam muitos acontecimentos em nossa existência. Tais acontecimentos são oportunidades para crescimento no Amor de Deus.  Acontece a mesma coisa com uma planta: o jardineiro, para ver suas plantas crescerem em todo o seu potencial, poda tendo em vista o crescimento. O “sofrimento” da planta passa e o que fica é o crescimento: uma planta mais forte e bonita.

As podas que a vida nos proporciona nos dão a oportunidade de crescer, se assim permitirmos. Deus não quer o sofrimento de seus filhos mas Ele sabe que precisamos ser podados para, como as plantas, passar pelo sofrimento e frutificar na felicidade do crescimento. 

Se Deus resolvesse todos os nossos problemas sem nossa participação (sem a Aliança) seríamos crianças mimadas, tipo aquelas que fazem escândalo até conseguirem o que querem. As crianças crescem e passam dessa fase... e eu?

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

O que é que valorizo mais?

JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

“Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens, dá o dinheiro aos pobres e terás um tesouro no céu. Depois, vem e segue-me”.

O jovem rico que ouviu estas palavras de Jesus foi embora triste porque era muito rico (e não estava disposto a partilhar seus bens).

Qual é a nossa “riqueza”? O que é que valorizamos mais? É preciso “vender” o que temos de mais precioso e colocar o resultado desta “venda” em favor do Reino de Deus.

“Vender” significa despojar-se, não ser o único proprietário do bem tão estimado. Uma vez que não somos o “único dono” do tesouro, fica mais fácil partilhar.

Se o que mais prezo é o tempo que dedico a mesmo, devemos “vender” meu tempo e partilhar o resultado desta “venda”: o mesmo tempo de antes, só que agora partilhado com os demais.

Se o meu tesouro é comentar os erros da vida alheia, devo “vender” esta valorização (despojar-me da fofoca) e colocar o resultado da “venda” a serviço dos demais; isto é, intensificar os comentários positivos sobre meus irmãos e irmãs.

Recordemos que aquilo que fazemos e falamos é o nosso tesouro, é o que mais prezamos, mesmo que mentalmente não apreciemos o que fazemos.

Note que Jesus pediu para primeiro limpar o coração e se desposar do que mais apreciamos (e seja contrário ao Reino) para poder segui-Lo. É impossível segui-Lo sem o despojamento e o serviço aos demais irmãos e irmãs. É assim temos um tesouro no céu.






domingo, 19 de agosto de 2012

Deus faz em nós maravilhas

JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

Levar Jesus no coração, assim como fez Maria Sua mãe.

“O Senhor fez em mim maravilhas” afirma Maria em uma de sua poucas porém profundas e verdadeiras declarações na Palavra.

O Senhor faz maravilhas em nossa vida, igualmente. Tudo o que acontece de bom conosco é maravilha do Senhor em nossa existência. Tudo, absolutamente tudo.

As coisas boas que acontecem dentro da Igreja (enquanto nos fazemos Igreja) é maravilha de Deus.

As coisas boas que acontecem enquanto rezamos é maravilha de Deus.

As coisas boas que acontecem enquanto participamos de atividades na Igreja é maravilha de Deus.

As coisas boas que acontecem enquanto exercermos o serviço ao irmão/ã é maravilha de Deus.

As coisas boas que acontecem em nosso trabalho é maravilha de Deus.

As coisas boas que acontecem em nossa escola é maravilha de Deus.

As coisas boas que acontecem nas nossas horas de folga e descanso é maravilha de Deus.

Coincidências boas? Maravilhas de Deus. Como afirmou alguém, “coincidência é uma maneira que Deus encontra para se manter anônimo”.

Deus está presente em todos os momentos da nossa vida. Pena que nem todo momento temos consciência e vivemos a maravilha que é ter o Senhor sempre conosco.


sábado, 18 de agosto de 2012

Permitir-se crescer


JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz e no meu coração o que disse Jesus!
Jesus no Evangelho de hoje diz “Deixai as crianças e não as proibais de vir a mim."
Se já não fosse ruim não querermos ir até Jesus, pioramos a situação quando impedimos ou dificultamos que outros se aproximem de Jesus.
“As crianças” representam todas as pessoas que sofrem, todos os seres humanos que estão em fase de crescimento (espiritual, principalmente), todos os filhos e filhas de Deus que estão em fase de aprendizagem, representam os “pequenos” do Reino de Deus.
No tempo de Jesus as crianças não tinham os direitos que hoje elas têm. As crianças eram propriedade do pai, assim como as mulheres.
A melhor maneira de “levarmos as crianças a Jesus e permitirmos que elas d’Ele se aproximem” é darmos testemunho de uma vida que busca a santidade.

Para isso, precisamos nós mesmos nos fazermos “criança”. 



sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Unir pelo Sim a Deus

JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz e no meu coração o que disse Jesus!

Jesus no Evangelho de hoje ordena que “ninguém separe o que Deus uniu.”

O contexto destas palavras é o matrimônio; porém, elas têm valor e alcance para todas as realidades do Reino.

O que Deus une Ele o faz por amor tendo em vista nossa salvação. A união que Deus quer é uma ação salvífica concreta. E isto acontece em nossa vida, no nosso dia a dia.

Quando o ser humano separa o que Deus une, ele rejeita a ação salvífica de Deus. O mesmo vale para as ações humanas que evitam a união que Deus quer em Seu amor.

Não fazer nada diante de uma situação que pode ser melhorada com uma contribuição nossa é equivalente a separar o que Deus quer unir. O pecado por omissão separa o que Deus quer unir.






quinta-feira, 16 de agosto de 2012

O perdão é santificante

JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus.

"Deveis perdoar sete vezes sete" = perdoar sempre e de maneira perfeita.

Quem perdoa se livra de um lixo espiritual. A falta de perdão acarreta a sujeira da alma e a tristeza do coração.

Perdoando, fazemos uma faxina bem feita em nossa vida. Quem mais sai ganhando com o perdão é a pessoa que perdoa.

Reze um Pai Nosso com sinceridade quando tive dificuldade de perdoar. Reze pedindo que Deus coloque na alma e no coração o desejo sincero de perdoar. Eu passei por esta experiência, por esta vivência... e ela é santificadora.

Quem perdoa se cura, antes de tudo.






quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Amizade pelos ensinamentos de Jesus


JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz e no meu coração o que disse Jesus!

“Se o seu irmão pecar contra você, vá e mostre-lhe o seu erro. Mas faça isso em particular, só entre vocês dois.”

Este é o primeiro passo: falar em particular com a pessoa que errou, seja o erro contra você mesmo ou contra outra pessoa.

No mundo de hoje falamos muito sobre os outros e pouco com os outros. Principalmente quando se fala de uma aspecto negativo ou de um erro de um irmão/a ou mesmo de uma pessoa pouco conhecida.

Só contribuiremos com a pessoa que errou se falarmos com ela, diretamente e em primeiro lugar. Falar com a intenção de ajudar, e não para querer humilhar, fazê-la sentir-se pior que outros, etc.

Se não tiver coragem (sim, é preciso coragem) de falar com a pessoa interessada o que a boca quer comentar, é melhor não dizer nada para ninguém. É covardia falar dos outros pelas costas.

Só assim seremos amigos/as, irmãos/as uns dos outros.


terça-feira, 14 de agosto de 2012

Os pequeninos são os mais necessitados


JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz ... no meu coração o que disse Jesus!

"Não desprezeis nenhum desses pequeninos ... o Pai que está nos céus não deseja que se perca nenhum desses pequeninos". (Jesus, no Evangelho de Mateus Capítulo 18, versículos 10a e 14b).

Como é fácil para o ser humano dar mais importância aos grandes, aos poderosos, aos famosos, aos que têm algo para retribuir ao próprio ser humano. Porém, para seguir as pegadas de Jesus, precisamos viver a realidade do Reino: todos são importantes, todos têm a mesma importância.

Os pequeninos merecem mais atenção por serem os mais necessitados, por serem os que têm menos condições de sair da pequenez em que vivem. E pode-se ser pequeno em muitas coisas, em inúmeras situações da vida.

Do mesmo modo que o médico só faz sentido para os doentes, o Reino de Deus veio para os necessitados (os pequenos) que merecem a salvação tanto quanto qualquer outro ser humano.

Ao desprezar os pequeninos, o ser humano se faz pequeno ele mesmo. Assim, peçamos a Jesus que nos engrandeça para o Reino de Deus naqueles pontos de nossa vida em que não enxergamos ou não queremos enxergar e estender a mão ao menor dos irmãos.

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Salvar-se para a vida eterna.


JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz e no meu coração o que disse Jesus!

“O Filho do Homem vai ser entregue nas mãos dos homens. Eles o matarão, mas no terceiro ele ressuscitará”.

Hoje em dia “entregamos Jesus aos homens” quando desobedecemos aos mandamentos de Deus, quando traímos o imenso e maravilhoso amor que Deus tem por nós, quando não reconhecemos e honramos no irmão e na irmã o Jesus que está nele ou nela. E os exemplos de como “entregar Jesus aos homens” são inúmeros.

Todas as vezes que pecamos, que erramos, que não trabalhamos para o Reino de Deus “matamos” Jesus. É certeza que Jesus ressuscita no terceiro dia.

E nós? Que fazemos nos dias que antecedem nossa possível ressurreição? Estamos a serviço do Reino de Deus como Jesus esteve na Cruz ou ... (complete a sentença com suas próprias palavras).


domingo, 12 de agosto de 2012

O Pão que amassa o diabo

JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

Jesus disse: “Eu sou o pão que desceu do céu ... quem crê possui a vida eterna”.




Nosso Salvador nos mostra a importância da fé para nossa vida. 

A fé supõe crer que Jesus é o Filho de Deus, o Caminho, a Verdade, a Vida, o Alimento para a vida eterna, a Salvação. Pela fé chegamos a todas as crenças cristãs.

A fé têm uma dimensão prática pois ela faz viver o que a mente e o coração conscientizam. Se ficarmos somente na “teoria da fé” a fé em Deus não é “vital”, isto é, não está concretizada na vida.

É por este aspecto vital da fé que colocamos em prática (procuramos viverde maneira completa) o convite que Deus nos faz para sermos agentes de transformação – trabalhadores do Reino de Deus = discípulos de Deus (como diz Jesus no Evangelho de hoje) – das realidades negativas deste mundo que necessitam do Salvador através de nossa ação (= viver a Aliança que Deus faz conosco).

Quem vive a fé vive o “provai e vede quão suave é o Senhor” de que nos fala o Salmo deste domingo.

sábado, 11 de agosto de 2012

Temos tanto potencial...


JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

“Vossa fé é demasiado pequena. Em verdade vos digo, se vós tiverdes fé do tamanho de uma semente de mostarda, direis a esta montanha: ‘Vai daqui para lá’ e ela irá. E nada vos será impossível”.

Jesus sabe o quanto ainda nos falta desenvolver, aprofundar, melhorar. É um puxão de orelha que Ele nos dá; porém existe uma dimensão positiva nas palavras aparentemente negativas que Ele nos dirige. Nosso Salvador não quer que fiquemos na inércia já que Ele sabe que podemos ser muito mais do que somos, por mais que sejamos.

A semente de mostarda é uma coisinha minúscula e que, depois de crescer em todo o seu potencial, fica tão grande (comparativamente falando) que promove vida: os pássaros no pé de mostarda fazem seus ninhos. Isto é, ali encontram lugar para se abrigarem, construir seus lares, botar ovos e gerar vida.

Como uma semente de mostarda, temos dentro de nós todo o potencial para crescer e, igualmente, abrigar e gerar vida ... e vida em abundância. Para nosso crescimento, o “adubo”, a “terra” e a “água” nos quais devemos nos colocar para germinar e crescer é o Amor de Deus recebido e vivido, multiplicado, ampliado, distribuído neste mundo através de nós mesmos e com as pessoas com quem convivemos.

Como sementes de mostarda somos: deixemo-nos desenvolver!


sexta-feira, 10 de agosto de 2012

A morte do grão de trigo

JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

"Em verdade, se o grão de trigo que cai na terra não morre, ele continua só um grão de trigo; mas se morre, então produz muito fruto."



“Morrer como o grão de trigo” é deixar-se desenvolver. “Morrer como o grão de trigo” é permitir que o interior de nossa vida ultrapasse a barreira das realidades externas. “Morrer como o grão de trigo” é deixar o amor de Deus, que está em nosso interior, brotar e produzir frutos.

Fisicamente falando, se o a casca que envolve o grão de trigo (o invólucro) não se romper, os nutrientes internos jamais poderão se desenvolver.

Espiritualmente falando, se não permitirmos que as aparências e as realidades materiais (o invólucro de nossa existência) se rompam para deixar o interior crescer, jamais desenvolveremos nosso potencial, jamais vamos crescer.

Jesus convida à conversão constante. Ele nos chama a viver esta bênção que é sermos seres que buscam a cada dia desenvolver-se mais, caminhar mais conforme os desígnios de Deus. Então, é preciso rasgar, descascar, as camadas que nos impedem de sermos tudo aquilo de bom que Deus quer que sejamos.

Como diz São Paulo na primeira leitura de hoje, “quem semeia pouco colherá pouco ... Deus ‘ama quem dá com alegria’ ... “Aquele que dá a semente ao semeador e lhe dará o pão como alimento, ele mesmo multiplicará as vossas sementes e aumentará os frutos da vossa justiça.”

Somos sementes e somos semeadores: “morramos” para o que for preciso morrer ... nosso interior é o alimento que clama por crescer e se desenvolver.

Morrer (como Jesus morreu) ... para a Vida Eterna (como Jesus ressuscitou).

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

As coisas de Deus e as do mundo


JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

Jesus disse a Pedro (e diz para nós):

“... não pensas as coisas de Deus, mas sim as coisas dos homens!”

Deus não se cansa de nos revelar seu amor. E todo o ministério de Jesus foi e ainda é esse constante revelar o amor de Deus. Para recebermos essa revelação, esse amor, precisamos pensar e viver as coisas de Deus.

As coisas dos seres humanos, deste mundo, nos levam aos seres humanos e a este mundo. As coisas de Deus nos levam a Deus e ao seu Amor. Dediquemos mais tempo de nossa vida para as coisas de Deus.

Quem tem mais a ganhar com isso somos nós mesmos.


quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Nova postagem no site...

... da Província Santa Rita de Cássia:

www.santarita-oar.org.br

Paz e bem.


Pedir com fé

JMJ Rio 2012: No peito eu levo uma cruz... e no meu coração o que disse Jesus!

Jesus no Evangelho de hoje, dirigindo-se à uma pecadora que implorara ajuda, responde ao final: 

"... grande é a tua fé! Seja feito como tu queres!"

A fé remove montanhas e tudo o que pedirmos a Deus, com fé, nos será concedido. Claro que devemos levar em consideração que nem sempre o que pedimos é o que precisamos, e que precisamos naquele momento. Também temos que levar em conta que quando exercitamos nossa fé, pedimos o que é justo e certo pedir.

Porém, não adianta exercitar a fé somente no momento em que se pede. Fé é vida e não momentos de nossa vida. Toda nossa vida tem que ser instrumento e reflexo do amor de Deus para que possamos, na hora de pedir, ter um pedido integrado à nossa vida.

Deus sabe do que precisamos e quando necessitamos. Assim, a fé deve ser exercida mesmo quando nossos pedidos não são realizados como e quando pedimos. Com o tempo Deus nos revela o motivo pelo qual ele nos deu o que necessitávamos, que pode não ser necessariamente o que pedimos.

Que jamais nos esqueçamos de pedir - e viver - o dom da fé.
Dia maravilhosos a todos. Muita fé e muita graça!!!






terça-feira, 7 de agosto de 2012

Com Jesus a coragem é possível

JMJ Rio 2013: No peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

Jesus nos diz hoje no Evangelho: "Coragem! Sou Eu. Não tenhais medo!"

E quantas vezes deixamos de fazer nossas responsabilidades para com o Reino de Deus, par
a com o próximo, para conosco mesmos por causa do medo que temos, seja este medo qual for.

Quando temos Jesus e vivemos sua presença em nossa vida, encontramos e conseguimos a coragem necessária.

Bom dia a todos, paz e bem.






segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Amar uns aos outros


JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

E Jesus nos deu um novo mandamento: 

"Que vos ameis uns aos outros assim como eu vos amo".

Por que devemos amar uns aos outros ? Se eu amar minha família não é o suficiente ? Por que amar meu inimigo, se ele sempre procura me fazer o mal?

Tantas perguntas e apenas uma resposta dita por Jesus: ame!, ame!, ame!

Amemos-nos uns aos outros; porque o amor vem de DEUS; e qualquer um que ama nasceu de DEUS e conhece a DEUS. Aquele que não ama, não conhece a DEUS. Por que DEUS é amor. Nisso se manifesta o amor de DEUS para conosco: que DEUS enviou seu filho unigênito ao mundo, para que por Ele vivamos.

Nosso salvador Jesus Cristo durante seu ministério viveu para ajudar o próximo fazendo milagres, ensinando,amando. E na Igreja de Jesus Cristo nos é ensinado a seguir seu exemplo através de ajuda humanitária , visitas aos necessitados e testemunho do Reino de Deus para a edificação de um mundo melhor.

Para quem já cumpre este mandamento sabe do que Jesus está falando, mais pra quem ainda não o cumpri Deus desafia a cumpri-lo para viver o amor do Salvador por todos nós.

O desafio que eu deixo para vocês é lerem no Novo Testamento todo o capítulo 13 do Evangelho de João. Vocês sentirão o amor de Cristo!

domingo, 5 de agosto de 2012

Alguns amigos e minha ida para a Colômbia.

Pessoal maravilhoso da Sagrado Coração de Jesus e eu. Saudades...

Amigos são para sempre...

Na foto original, o Renato não está presente. Eu enviei, tempos atrás, uma foto original e pedi para cada um colocar-se no meu abraço. Esta foto é a primeira que recebo. Obrigado, Renato. Ficou 10.

Partindo para a Colômbia, dia 2 de agosto. Esta parte estado de São Paulo estava parcialmente nublada.

Já no centro-oeste, nuvem nenhuma.

sobrevoando a floresta amazônica, já aparecem algumas nuvens.

Em território Colombiano, céu totalmente coberto de nuvens (para quem estava lá embaixo).

Já bem perto de Bogotá, debaixo do céu nublado.

Aproximando da cidade de Bogotá.

Bem próximo do aeroporto El Dorado, de Bogotá.

Quase com os pneus no chão.

A parte de trás do avião não estava lotada.

Fiquei hospedado aqui, no seminário de Teologia dos Agostinianos Recoletos em Bogotá. Ao fundo, a Uniagustiniana, faculdade sob a responsabilidade dos frades agostinianos recoletos.

Dentro do microbus indo para Chiquinquirá, de onde me levariam para o Mosteiro El Desierto de la Candelaria.

Eu, em foto deste domingo, dia 5. Já estou instalado no Mosteiro, onde ficarei até o dia 14 de agosto. Estou aqui para ministrar um curso para os noviços, celebrar missas, atender o povo no que for necessário, etc. Conto com as orações de vocês.

Jesus é o alimento verdadeiro

JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

Jesus no Evangelho de hoje dos diz: 

"Esforçai-vos não pelo alimento que se perde, mas pelo alimento que permanece até a vida eterna, e que o Filho do Homem vos dará. ... Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim nunca mais terá sede".

Quanto tempo em nosso cotidiano dedicamos aos alimentos que perecem. O Pão da Vida, o próprio Jesus, é o alimento do qual podemos nos alimentar em qualquer lugar, a qualquer hora, a qualquer momento do dia ou da noite.

Jesus é o alimento "delivery" que só é entregue se fizermos o pedido. E tal pedido tem que estar de acordo com o planos da construção do Reino de Deus. E precisa pedir com o coração, com sinceridade.

Que todos nós tenhamos um dia abençoado no Alimento que não perece.






sábado, 4 de agosto de 2012

Crer é Viver

JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus.

Jesus nos diz que "aquele que crê em mim nunca estará sozinho."

Cuidado: "crer" não quer dizer somente e simplesmente "saber que existe". O ato de acreditar é uma experiência de vida, é um entregar-se ao que se acredita. Quem acredita em Jesus tem por responsabilidade viver o Seu ensinamento, exercitar seus conselhos, obedecer seus mandamentos... enfim, ser testemunho e testemunha da Presença Viva de Jesus através de nossa história, de nossa vida.

Tudo isto não pode ser vivenciado sozinho/a: crer em Jesus é crer que tudo de abençoado acontece "conosco" e não "comigo" somente. Mesmo aquilo que acontece individualmente deve ser colocado em perspectiva da ralação que temos de irmãos/ãs uns dos outros.



sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Não faça juz ao ditado popular

JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

Jesus hoje no Evangelho afirma que "Um profeta só não é estimado em sua própria pátria e em sua família!"

Que nos esforcemos para podermos ser fiéis à Palavra de Deus e ao nosso testemunho do Reino de Deus, mesmo que não reconheçam nossas boas ações.

Como diz Santo Agostinho: "A recompensa de uma boa ação é tê-la feito"

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Jesus quer os peixes bons

JMJ Rio 2013: no peito eu levo uma cruz ... e no meu coração o que disse Jesus!

Jesus nos convida, hoje, a sermos peixes bons. Pela conversão isso É possível.

Os peixes não tem a liberdade que temos. E a temos pois Deus nos ama incondicionalmente. 

Dia abençoado a todos.

Jesus nos chama a sermos peixes convertidos. Pescou?

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

O valor que damos ao Reino de Deus.

JMJ Rio 2013

no peito eu levo uma cruz ... 


e no meu coração o que disse Jesus!

Jesus no fala hoje que "O Reino de Deus é como um comprador que procura pérolas preciosas. Quando encontra uma pérola de grande valor, ele vai, vende todos os seus bens e compra aquela pérola" (Mt 13, 45-46).

Estamos nós dando a devida importância ao Reino de Deus que já encontramos em nossa vida? Estamos buscando encontrá-lo mais e mais? Até quanto conseguimos nos doar para termos o suficiente e assim apreciar o Reino de Deus em nossa vida?